Conteúdo e Mídia

Mensagens

Mensagem de 31.01.16

Provérbios 30.7-9

Introdução

“Muitas pessoas perdem as pequenas alegrias enquanto aguardam a grande felicidade” Pearl S. Buck (escritora e psicóloga). O texto lido está inserido no contexto que envolve Provérbios 30. O texto foi escrito por Agur, filho de Jaque, de Massá. Não temos informações a respeito desse sábio. Provavelmente, alguém próximo de Salomão, cuja sabedoria era notória. Agur inicia esse texto falando sobre a grandeza divina, como superação das limitações humanas (Provérbios  30.1-6). A sabedoria não se aprende, mas se recebe do Senhor. Assim, percebemos que maturidade não é algo acidental, mas intencional. Viver uma vida de verdade, é viver uma vida relevante, que realmente valha a pena para si mesmo e para os que estão ao redor. Agur faz um pedido duplo: 1-Quero sinceridade. 2-Quero moderação. 3-Eu me conheço. Como fazer para trilhar esses caminhos:

•Pedir: “Duas coisas te peço” – Mateus 7.7: Pedi, e dar-se-vos-á;
•Perseverar: “Não mas negues” – Lucas 21.19: É na vossa perseverança que ganhareis vossa alma;
•Percorrer: “antes que eu morra” – Filipenses 1.21: O viver é Cristo, e o morrer é lucro.
 

1.Percorrer o caminho da sinceridade

•Sinceridade: “Afasta de mim a falsidade e a mentira”;
•Provérbios 10.9: Quem anda em sinceridade, anda seguro (SEGURANÇA);
•Provérbios 11.3: A sinceridade dos íntegros os guiará (GUIA – DIREÇÃO);
•Provérbios 20.7: O justo anda na sua sinceridade, bem-aventurados os filhos deles depois (FAMÍLIA);
•Provérbios 24.26: Como beijo nos lábios, é a resposta com palavras sinceras (MANSIDÃO);
•Os caminhos de uma vida relevante são firmados em sinceridade.
 

2.Percorrer o caminho da moderação

•Moderação: “Não me dês nem a pobreza nem a riqueza, mas o pão de cada dia”;
•Qualquer semelhança não é mera coincidência. É a mesma preocupação de Jesus;
•Na oração de Jesus ele ensina: “O pão nosso de cada dia dá-nos hoje”;
•Provérbios 14.24: A coroa dos sábios é a sua riqueza (SABEDORIA E RIQUEZA)
•Provérbios 22.4: Humildade e temor do Senhor são riquezas (HUMILDADE E TEMOR);
•Provérbios 23.21: Beber e comer demais e preguiça geram pobreza;
•Provérbios 22.2: O rico e o pobre se encontram; a todos o Senhor os fez;
•Nem riqueza, nem pobreza, mas moderação e contentamento.
 

3.Percorrer o caminho da prudência

•Riqueza: Negar a Deus – Pobreza: Irar-se contra Deus;
•O homem tem tendência à autossuficiência. O caminho da prudência é o da dependência;
•Agur está dizendo: Eu me conheço, me ajude a viver uma vida boa;
•Ser prudente é reconhecer suas limitações e inclinações naturais. Não adianta se esconder;
•Provérbios 5.1: Filho meu, atende a minha sabedoria; inclina o teu ouvido à inteligência;
•Provérbios 15.5: O tolo despreza a instrução, mas o que observa, agirá com prudência;
•Provérbios 24.6: Com conselhos prudentes e com bons conselheiros se consegue vitória na guerra;
•Ser prudente é tomar cuidado consigo mesmo e depender de Deus, por meio de Jesus.
 

Conclusão

Mateus 6.25-33: Observai as aves do céu. Considerai os lírios do campo. Salomão não se vestiu como qualquer deles. Buscai (Peça – Insista – Percorra), pois, em primeiro lugar, o seu reino e a sua justiça, e todas estas coisas vos serão acrescentadas.
Uma vida de verdade é viver com base na sinceridade (quem realmente sou), com base na moderação (o que realmente posso fazer) e com base na prudência (como posso me cuidar).

 

 

Rev. Daniel Zemuner Barbosa