Conteúdo e Mídia

Mensagens

"Disse mais: A que assemelharemos o reino de Deus? Ou com que parábola o apresentaremos? É como um grão de mostarda, que, quando semeado, é a menor de todas as sementes sobre a terra; mas, uma vez semeada, cresce e se torna maior do que todas as hortaliças e deita grandes ramos, a ponto de as aves do céu poderem aninhar-se à sua sombra" (Marcos 4.30-32).

Jesus sabia que as pessoas gostam de uma boa história. Por isso mesmo sua maneira preferida de ensinar foi por meio de parábolas, especialmente quando apresentou o reino de Deus. Entender a respeito dos princípios do reino de Deus nos ajuda a viver com mais consciência, confiança e perseverança. Nessa parábola da semente de mostarda Jesus ensina sobre o começo, desenvolvimento e resultado do reino de Deus.

Pequeno começo é a maneira por intermédio da qual o reino de Deus se manifesta. A expressão "menor de todas as sementes" traduz isso. A semente de mostarda tem, aproximadamente, um milímetro de diâmetro, e seu peso passa despercebido quando colocada na palma de nossas mãos. Diz respeito a coisa pequena, irrelevante, insignificante, quase invisível, imperceptível e pouco promissora. Assim parecem os pequenos começos em nossa vida. Talvez, você esteja vivendo esse momento do invisível em sua vida hoje. Não desanime, pois, apesar de a semente ser muito pequena, ela contém toda a carga genética para reproduzir a vida completa que Deus preparou para nós. Jamais despreze os pequenos começos (Zacarias 4.10).

Poderoso desenvolvimento é traduzido na descrição de Jesus quando disse que, "uma vez semeada, cresce". A semente é destinada a crescer, vencer e avançar. Precisa, contudo, ser semeada! O reino de Deus dá a semente para participarmos na semeadura. Aliás, precisamos ter a certeza de que estamos semeando hoje o que queremos colher no futuro. Por que cresce? Porque a semente tem em si o código genético e a disposição para crescer, assim como encontra no solo e na chuva os insumos para se desenvolver. É só seguir os princípios do reino que as sementes do reino, naturalmente, crescerão. Como cresce? Cresce de dentro para fora, silenciosamente e constantemente. Possui momentos de maior expansão, outros de consolidação, sempre demonstrando desenvolvimento poderoso.

Grande resultado é o que se espera daquilo que é gerado no reino de Deus. Está refletido na expressão: "maior do que todas as hortaliças e deita grandes ramos". Não poderia ser diferente. Daquela pequena semente, surge um arbusto que chega a incríveis três metros de altura. O resultado não é apenas uma copa frondosa, mas um fruto que promove grande benefício "a ponto de as aves do céu poderem aninhar-se à sua sombra". Claro que os benefícios são, principalmente, aos humanos. Estudiosos da saúde dizem que a folha da mostarda contém muita fibra dietética e é uma excelente fonte de vitamina K, A, C, E, complexo B e folato, e minerais como cálcio, manganês, ferro, fósforo e magnésio. Ajuda na desintoxicação, tem ação anticolesterol, combate a osteoporose, dentre outros ganhos. Estudos também indicam que a semente de mostarda é uma boa fonte de nutrientes variados, com ação antioxidante e essencial para o metabolismo do cérebro e da tireoide, e protegendo contra o câncer. Impressionante, não?

Pequenos começos, grandes resultados: assim é o reino de Deus! Deus é aquele que faz coisas grandes a partir do invisível. Descanse na verdade que a obra que ele começou em sua vida vai ser completada (Filipenses 1.6), pois tem um destino certo, que se tornará visível e exuberante.

Rev. Rodolfo Garcia Montosa