Conteúdo e Mídia

Mensagens

Mensagem de 20.03.16

Está consumado! (João 19.30)

Tetelestai é a palavra em grego que significa, em português: tudo está consumado, completamente pago, totalmente quitado, perfeitamente finalizado, concluído, realizado, completado, cumprido, performado, concretizado. É expressão de triunfo e exultação. Seu significado é contundente. Mas, o que está consumado?

Tetelestai, pois cumpriram-se, em Jesus, todas as profecias messiânicas, todo determinado desígnio e presciência de Deus (At 2.23), toda vontade e ordem, em cada vírgula e ponto, exatamente conforme haviam predito os profetas no Antigo Testamento.

Tetelestai, pois Jesus preencheu definitivamente toda a exigência da lei através do seu corpo (Ef 2.13-15) e seu sangue derramado (Hb 9.14), abolindo, dali em diante, qualquer necessidade de novo sacrifício de animais ou qualquer outra ordenança, pagamento, oferenda, por ninguém, em nenhuma circunstância, para todo o sempre (Hb 7.27; 10.10, 12).

Tetelestai, pois expiou a iniquidade, fez cessar a transgressão, trouxe a justiça eterna e ungiu o Santo dos Santos com seu próprio sangue como propiciação (Dn 9.24; Rm 3.25; Hb 2.17; 9.12), aniquilando o pecado, de uma vez por todas, pelo sacrifício de si mesmo (Hb 9.26). O pecado foi definitivamente vencido e perdoado por aquele que não pecou (2 Co 5.21; Hb 4.15).

Tetelestai, pois promoveu a redenção dos que serão salvos completando sua missão, seu trabalho (Jo 17.4). Quando um escravo era comprado e todo o preço pago, carimbava-se em seu documento: Tetelestai. Jesus cancelou o escrito de dívida que era contra nós, removendo-o inteiramente, encravando-o na cruz (Cl 2.14) e nos chamou à liberdade. Nossa eterna redenção (Hb 9.12) não foi somente para perdão do passado escravo, mas para a nova vida de agora para todo sempre como filhos livres (Hb 10.14).

Tetelestai, pois o inimigo foi por completo vencido. Quando um general regressava vitorioso do campo de batalha e fazia marchar os seus prisioneiros de guerra pelas ruas de Roma, costumava proclamar a sua vitória gritando: TetelestaiTetelestai! Jesus despojou os principados e potestades, publicamente os expôs ao desprezo, triunfando definitivamente deles na cruz (Cl 2.15), destruindo aquele que tem o poder da morte, a saber, o diabo (Hb 2.14), e todas as suas obras (1 Jo 3.8).

Tetelestai, pois seu sofrimento cessou, tanto os da sua alma quanto do seu corpo, terminando suas dores, agonias e angústias, não sendo mais alcançado pelas mãos de quem tanto o odiou, restando-lhe a alegria do seu penoso trabalho que o deixou satisfeito para sempre (Is 53.11).

Tetelestai, pois o reino de Deus já foi implantado definitivamente. Prova disso é que Jesus, logo mais seria ressuscitado e se apresentaria vivo, com muitas provas incontestáveis, aparecendo aos seus discípulos durante quarenta dias para falar das coisas concernentes ao reino de Deus (At 1.3).

Tetelestai, em resumo, pois as profecias messiânicas foram cumpridas, a lei satisfeita, os pecados perdoados, a redenção concluída, o inimigo derrotado, o sofrimento cessado e o reino de Deus implantado. Porque está consumado, consumado está! Não há o que acrescentar nem tirar da perfeita obra de Cristo.

Tetelestai é a expressão sobre a qual C.H. Spurgeon declarou: “Um oceano de significado contido em uma única gota de linguagem, uma mera gota”; A.W. Pink definiu: “Uma eternidade será necessária para que se manifeste todo o conteúdo dessa expressão”; Charles Simeon exclamou: “Todas as palavras de Jesus merecem nossa maior atenção, mas esta palavra ofusca todas as demais”.

Tetelestai tem sido descrito como “a maior palavra, do maior personagem, no maior momento de toda eternidade”. Quando alguém vier lhe enganar dizendo que precisa fazer isso ou aquilo para ser aceito por Deus, responda: Tetelestai, tudo foi feito por Jesus!  Quando sua consciência vier lhe acusar dos seus pecados, responda: Tetelestai, fui completamente perdoado! Quando o inimigo vier lhe atacar, responda: Tetelestai, você está derrotado! Quando o pecado quiser te escravizar, responda: Tetelestai, fui plenamente liberto e regenerado! Quando a morte vier lhe assombrar, responda: Tetelestai, Cristo conquistou a vida eterna para mim na presença do Pai!

Rev. Rodolfo Garcia Montosa