Conteúdo e Mídia

Mensagens

Meditação de 01.11.15

Ouvindo isto, admirou-se Jesus e disse aos que o seguiam: Em verdade vos afi rmo que nem mesmo em Israel achei fé como esta (Mateus 8.10).

Uma das características que observamos em Jesus é a sua sensibilidade, ele era tocado pela atitude das pessoas. Na passagem bíblica de Mateus 8.5-13, vemos Jesus em contato com um centurião. Era um oficial do império romano, comandante de uma centúria ou destacamento de cem soldados. Esse homem foi até Jesus e pediu-lhe em favor do seu servo, paralítico, e sofrendo horrivelmente. Jesus lhe atendeu dizendo: Eu irei curá-lo (v 7). Diante da prontidão de Jesus em atendê-lo, o centurião respondeu: Senhor, não sou digno de que entres em minha casa; mas apenas manda com uma palavra, e o meu rapaz será curado (v 8).

Vamos destacar do texto algumas ideias:

Uma fé admirável. A fé do centurião causou admiração em Jesus: Ouvindo isto, admirou-se Jesus (v 10). Será que a nossa fé em Deus causa admiração nas pessoas? Devemos provocar nas pessoas admiração. Que lindo! Será que minha fé causa admiração nos outros? Temos procurado despertar admiração nos outros com a nossa ostentação, nosso status, nossa riqueza, nossa sapiência. O que em nós causa nos outros admiração? Que seja a nossa fé.

Uma fé incomparável. Jesus não só admirou-se da fé do centurião como também disse que a fé daquele homem era uma fé incomparável: Nem mesmo em Israel achei fé como esta. Quantas pessoas de fé podem ser encontradas em Israel? Mas Jesus disse: Nem mesmo em Israel. Que Deus nos dê essa fé. Não a fé rotineira, mas a fé do centurião. Vimos no texto uma fé admirável, uma fé incomparável.

Uma fé que provoca resultados. Agora olhemos com atenção o versículo 13: Então, disse Jesus ao centurião: Vai-te, e seja feito conforme a tua fé. E, naquela mesma hora, o servo foi curado. Podemos chamar isto de a coroação da fé: Naquela mesma hora, o servo foi curado. A fé em Deus é recompensada. Deus nunca deixa os seus filhos serem envergonhados. Aquele que crê nunca será confundido. Vale a pena crer em Deus, depositar nele a nossa fé. A fé nunca volta de mãos vazias.

Rev. Messias Anacleto Rosa