Conteúdo e Mídia

Notícias

Ouvimos com nossos ouvidos, vimos com os próprios olhos, tocamos com as mãos. A Palavra da Vida se manifestou bem diante de nós. Somos testemunhas oculares! Agora, sem floreios, contamos tudo a vocês. O que testemunhamos foi simplesmente incrível: a infinita Vida do próprio Deus tomou forma diante de nós (1 João 1.1-2).

Acabei de voltar da África, e a verdade é que uma carta é pouco para contar tudo o que vi e ouvi. A maneira que Deus tem atuado e ministrado a vida de diferentes pessoas por todo continente é maravilhosa. Deus seja louvado, e seu nome glorificado entre as nações!

Que privilégio você e eu temos de nos envolvermos na obra de Deus no continente Africano.

No mês passado, juntamente com alguns líderes da AIM/MIAF Internacional, viajamos até o nordeste de Uganda em uma região remota onde vivem dezenas de milhares de pessoas sem acesso ao evangelho. Durante o voo numa pequena aeronave da MIAF pude avistar algumas das centenas de ‘manyatas’ - vilas onde moram as famílias na região. Meu coração ficou apertado durante todo o voo, pensando que dezenas de pessoas espalhadas por toda a imensidão daquelas planícies continuam sem acesso ao evangelho. Porém, bastou aterrissar na pequena pista de pouso improvisada para ver como nosso Deus é tremendo.

Já temos diferentes equipes trabalhando na região, estabelecendo relacionamentos e pregando o evangelho. Passamos a noite no alto de um monte, lugar onde, em algumas semanas, teremos um treinamento de curto prazo. Durante a noite naquele local, nos reunimos com os anciões da tribo, compartilharam de uma refeição conosco e tiveram a oportunidade de ouvir uma história bíblica contada por um de nossos líderes.

No último final de semana Patrícia, eu e a nossa equipe tivemos o privilégio de treinar mais alguns missionários de curto prazo. Temos nos alegrado em ver Deus chamar muitos jovens que querem, por meio das viagens de curto prazo, sondar o campo para considerar ministério de longo prazo no futuro.

Neste mês, estou indo a Moçambique ministrar na conferência da AIM/MIAF no país. Também será uma oportunidade de encontrar os oito missionários enviados por nosso escritório.

Neste ano Patrícia e eu completamos dezessete anos de casamento e dezesseis anos de ministério de tempo integral como missionários. Louvamos a Deus pelos filhos que ele nos deu, Felipe e Gabriela, que têm crescido não só em estatura, mas no seu compromisso com Deus. Ambos têm nos acompanhado nas viagens e vivenciado o trabalho no campo e a mobilização missionária. Eles têm demonstrado amor a Deus e alegria no serviço missionário em família, e somos gratos a Deus por isso.

Queridos, estamos gratos pelo seu envolvimento e apoio. Continuamos servindo a Deus em favor dos povos não alcançados da África.

Família Feniman

Mais informações aqui.