Família avivada

Compartilhe:

No dia seguinte, partimos e fomos para Cesareia. E, entrando na casa de Filipe , o evangelista, que era um dos sete, ficamos com ele. Filipe tinha quatro filhas solteiras, que profetizavam. Demorando-nos ali alguns dias, veio da Judeia um profeta chamado Ágabo. (trecho de Atos 21.7-16 – NAA)

Por volta do ano 58 d.C., Lucas, o autor do livro de Atos, relata esse episódio ocorrido na casa de Filipe, mostrando uma família avivada. A história da família de Filipe aponta o que Deus pode e quer fazer também em nossa família. Vejamos três características nessa história que podem nos inspirar.

Filipe, o evangelista, que era um dos sete da turma chamada ao serviço da diaconia (Atos 6.5; 8.5), tinha boa reputação, era cheio do Espírito e de sabedoria (Atos 6.3). Ao redor do ano 35 d.C., sob dura perseguição, saiu de Jerusalém para Samaria, onde se tornou evangelista – proclamador das boas-novas,  operando sinais e maravilhas, sendo canal para conversão de muita gente, incluindo Simão, o mágico (Atos 8.5-13), e o eunuco etíope (Atos 8.26-40). Teve experiências sobrenaturais com anjos (Atos 8.26) e até com arrebatamento (Atos 8.39-40). Nada disso foi fogo de palha. Mais de vinte anos se passaram e a casa de Filipe continuava firme na fé mostrando que uma família avivada é construída ao longo do tempo. Por isso, é necessário servir, proclamar, perseverar e manter a chama acesa no decurso de nossa caminhada na presença do Pai.

Filipe tinha quatro filhas solteiras, que profetizavam. Interessante lembrar que, segundo estudiosos, nessa ocasião, Paulo já tinha escrito a primeira carta aos Coríntios orientando aos leitores: procurem com zelo os dons espirituais, principalmente o de profetizar; o que profetiza fala para as pessoas, edificando, exortando e consolando; procurem com zelo o dom de profetizar (1 Coríntios 14.1, 3, 39). Muito influenciado pelo ensino paulino, além das maravilhosas experiências sobrenaturais de Filipe, Lucas agora destaca que suas filhas também eram cheias do Espírito Santo e fluíam no dom de profetizar, mostrando que uma família avivada alcança a próxima geração. Por isso, é necessário envolver todos da nossa casa nos testemunhos e experiências que temos com Jesus.

Demorando-nos ali alguns dias, veio da Judeia um profeta chamado Ágabo. Não bastasse hospedar Paulo, Lucas e seus companheiros, Filipe abre sua casa para outro profeta experiente chamado Ágabo (Atos 11.28) que prevê o que aconteceria a Paulo quando chegasse em Jerusalém. Histórico encontro entre eles, Filipe e suas filhas, Paulo e Ágabo. O ministério profético é incentivado em ambiente de profetas. Casa de profetas atrai profetas. Casa avivada atrai avivalistas. Casa ungida atrai ungidos. Os céus estavam abertos a essa casa que se abria para acolher a família da fé, mostrando que uma família avivada envolve-se com outras pessoas avivadas. Por isso, é necessário abrirmos nossa casa e interagirmos com outras pessoas cheias do Espírito Santo de Deus.

Além de uma família resgatada e muito bem discipulada, é plano do Senhor fazer-nos família avivada, cheia do amor que acolhe e dos dons que edificam. Vamos crer, orar e buscar com todo nosso coração para que a vontade do Senhor se cumpra em nossa família. Aviva-nos, Senhor!!!

Pr. Rodolfo Montosa

Continue lendo

Mais Posts

Blog
Comunicação IPILON

#tamojunto na pureza

Quem subirá ao monte do Senhor? Quem há de permanecer no seu santo lugar? O que é limpo de mãos e puro de coração, que

Leia Mais »
Notícias
Comunicação IPILON

Espaço Água Pura

Culto marca o início do nova formato de atuação. Sobre as mudanças A associação Água Pura tem vivido dias de mudança, para a glória de

Leia Mais »

Olá! Nós somos uma igreja em células.

Menu
Institucional
Missão Integral
Voluntariado

Login no Basis