Bênção no ano-novo

Compartilhe:

O Senhor os abençoe e os guarde; o Senhor faça resplandecer o seu rosto sobre vocês e tenha misericórdia de vocês; o Senhor sobre vocês levante o seu rosto e lhes dê a paz (Números 6.24-26).

A bênção sempre fez parte dos planos de Deus. Por meio desse texto simples e elegante, o Senhor instrui Moisés a respeito de como Arão e seus filhos sacerdotes deveriam abençoar o povo. Daí ser conhecida por bênção araônica, ou bênção sacerdotal. Isso aconteceu quando todos estavam se preparando para entrar na terra prometida. Tempos de transição merecem uma bênção especial.

A bênção tem três versos, repetindo em cada um o nome de Deus Yaweh (Senhor), significando ser sua única fonte. Cada verso tem dois elementos que se encadeiam de maneira progressiva, assim como cada verso é progressivamente mais longo no original hebraico (três, cinco e sete palavras, respectivamente). Vamos entender melhor o que tem na bênção araônica.

O primeiro verso indica a bênção em ação, pois mostra a atividade de Deus a favor do povo: O Senhor os abençoe e os guarde. O verbo abençoar, em hebraico barak, aparece 415 vezes no Antigo Testamento e quer dizer dotar de poder para o sucesso, prosperidade, fecundidade, longevidade. Inclui, portanto, saúde, riqueza, fertilidade. O verbo guardar, em hebraico shamar, aparece 5.420 vezes no Antigo Testamento e traz o sentido de vigiar, proteger, cuidar, preservar, abrigar. Inclui proteção contra perdas, lesões, roubos, injustiças. Os dois verbos se complementam; de que adianta receber a bênção se ela for roubada de nós? A cada 1 barak, 13 shamar. Precisamos que o Senhor nos abençoe e que nos guarde!

O segundo verso revela a bênção em atenção, pois mostra o movimento de Deus em direção ao povo: O Senhor faça resplandecer o seu rosto sobre vocês e tenha misericórdia de vocês. A expressão “fazer resplandecer o seu rostosignifica “deixar o brilho do rosto ser dirigido”. Assim como o farol ilumina o que está diante dele, o rosto do Senhor resplandece sobre nós quando ele olha para nós. Não qualquer olhar, mas aquele que vê a pessoa de maneira receptiva, cordial e afável, com disposição gentil, acolhedora e graciosa. Já misericórdia (miser + i + córdia) é quando o coração vai ao encontro da miséria, é o movimento da compaixão solícita pela desventura alheia, a piedade que socorre o miserável, a comiseração pelo que sofre, a manifestação de graça para quem está na desgraça. Não o simples sentimento de lástima, mas a ação de ajuda, perdão, salvação, libertação, alívio ao necessitado. As duas expressões se complementam: de que adiantaria o Senhor olhar para nós sem ter compaixão por nós? Precisamos que o Senhor nos olhe com carinho e aja em nosso favor.

O terceiro verso sugere a bênção em afeição, pois mostra a possibilidade de relacionamento mais íntimo de Deus com seu povo: O Senhor sobre vocês levante o seu rosto e lhes dê a paz. A expressão “levante o seu rosto” traz o sentido de não abaixar o rosto, não desviar o olhar, não virar a face, não rejeitar, não ignorar, ver alguém de forma favorável, agradar-se da pessoa. A expressão hebraica shalom traduzida por paz aparece 236 vezes no Antigo Testamento e traz consigo o sentido geral de bem-estar, saúde e segurança. Refere-se a um ambiente amigável e familiar, alegria e contentamento, deleite e prazer, onde há entendimento e respeito, com grande capacidade de tolerância e aceitação. Igualmente as duas expressões se complementam: de que adianta o olhar alegre do Senhor se em nós não houver essa mesma alegria? Precisamos que o Senhor se agrade de nós e que nos agrademos dele.

A bênção sacerdotal é uma sombra da bênção apostólica (2 Coríntios 13:13). Podemos entrelaçá-las assim: Que o amor de Deus Pai, que abençoa e guarda, a graça de Deus Filho, que faz seu rosto resplandecer e tem misericórdia, a presença do Deus Espírito Santo, que levanta seu rosto e nos dá a paz, sejam com todos nós! Somente com a bênção de Deus vale a pena entrar no ano-novo!

Rodolfo Montosa

Continue lendo

Mais Posts

Notícias
Comunicação IPILON

Dada a largada

No dia 30 de janeiro foi dada a largada para o início de nossas células, pequenos grupos, a igreja presente em cada casa, expressão de

Leia Mais »
Blog
Comunicação IPILON

Orvalho

Ao ler a palavra orvalho que sensação desperta em você? Para mim simboliza frescor. No dicionário Priberam, as definições são: “Conjunto de gotas de umidade

Leia Mais »

Olá! Nós somos uma igreja em células.

Menu
Institucional
Missão Integral
Voluntariado

Login no Basis