Pesquisar
Close this search box.

Luz nos sonhos

Compartilhe:


Luz nos sonhos foi o tema ministrado pelo pastor Rodolfo Montosa na última Tarde de Esperança de 2023. Além dos pactos, tivemos oportunidade de escrever nossos sonhos para o ano vindouro. Você ainda pode escrever em um papel e depositá-lo nos jarros de vidro. Como diz a canção: “Os sonhos de Deus são maiores que os meus”. Vamos juntos sonhar os sonhos de Deus!

Sonhar é projetar, imaginar, planejar. Deus sonhou a criação à sua imagem e semelhança. Por isso, sonhar está gravado no nosso DNA. Adão foi incumbido de sonhar, usar a imaginação para nomear os bichos no Éden. Normalmente, associamos o sonhar aos jovens. Deus nos surpreende e revela que sonhar não tem idade: os seus velhos sonharão (Joel 2.28). Simeão e Ana, ambos em idade avançada, realizaram o sonho de ver o Messias com seus próprios olhos (Lucas 2.25-38).   

Deus continua criativo, soberano, reinando sobre toda a criação e nunca para de sonhar. O universo continua em expansão, se já não bastasse a imensidão que tem. Deus é criativo e nos faz sonhadores. Grandes autores e pessoas que mudaram a história falaram sobre sonhos.

Sonhar é acordar-se para dentro (Mário Quintana). Nós somos o tecido de que são feitos os sonhos (William Shakespeare). Se seus sonhos forem, você continuará vivendo, mas terá deixado de existir (Mark Twain). Eu tenho um sonho… (Martin Luther King Jr).

Sonhar muda trajetórias, altera o curso da humanidade, deixa marcas do céu na Terra, muda a química corporal, anima, impulsiona, nos faz resilientes, move nossa vida. Diante dos revezes e trombadas da vida, muitos pararam de sonhar. Não pare! Retome seus sonhos. Sonhar faz parte da nossa essência. É o desejo de Deus para nós.

A Bíblia é permeada por pessoas que tiveram sua vida movida por sonhos, os sonhos de Deus.

José sonhou…

O extraordinário (Mateus 1.18-24) – moderação: Quando José despertou do sono, fez como o anjo do Senhor lhe havia ordenado e recebeu Maria por esposa (v 24). José e Maria estavam noivos, tudo sonhado. De repente, Deus mudou a trajetória do mundo. José enxergou o ordinário, mas sonhou o extraordinário. Os sonhos de Deus não cabem na nossa mente, nos tiram do conforto. Diante do que lhe parecia absurdo, José manteve seu coração moderado, calmo, quieto. A história da humanidade tem um curso governado pelo Senhor e ele inclui a sua história. Diante do extraordinário, mantenha-se calmo, não perca a sensatez.

José sonhou com Jesus, o Rei dos reis, aquele que traz à existência o que não existia, a pessoa central nos sonhos de Deus. José teve instruções sobre o que fazer e revelação a respeito de sua posição na vida de Cristo. Coração moderado está sempre aberto a sonhar coisas do céu para a nossa geração. Pai, eu quero sonhar o extraordinário!

O livramento (Mateus 2.13-15) – perspicácia: Levantando-se José, tomou de noite o menino e a sua mãe e partiu para o Egito (v 14). Em sonho, o Senhor avisou José do perigo e deu a ele uma estratégia precisa de livramento, refúgio, proteção. José obedeceu, não se envolveu em brigas que não eram suas. É preciso sabedoria para discernir quando lutar e quando buscar refúgio. Na presença de Deus, somos revigorados, fortalecidos, providos.   

A realização (Mateus 2.19-23) – alinhamento: E, tendo sido avisado por Deus em sonho, José foi para a região da Galileia (v 22). A alma de José estava alinhada aos sonhos de Deus, já registrados nos céus. É exatamente disto que precisamos: alinhar nossos sonhos ao que Deus sonhou para nós, nosso propósito.

Deus quer restaurar nossa capacidade de sonhar: Quando o Senhor restaurou a sorte de Sião, ficamos como quem sonha (Salmos 126.1).  

Texto e fotos: Paulo Povedano
Confira a mensagem em nosso canal. Acesse aqui.

Continue lendo

Mais Posts

Blog
Comunicação IPILON

Amar é abrigar

Então, lhe veio a palavra do Senhor, dizendo: Dispõe-te, e vai a Sarepta, que pertence a Sidom, e demora-te ali, onde ordenei a uma mulher

Leia Mais »
Blog
Comunicação IPILON

Amar é consolar

Porque, quando chegamos à Macedônia, não tivemos nenhum alívio. Pelo contrário, em tudo fomos atribulados: lutas por fora, temores por dentro. Porém Deus, que consola

Leia Mais »
Notícias
Comunicação IPILON

Jantar do dia dos namorados

Neste dia 12 de junho, dia dos namorados, aconteceu o jantar em prol da construção do nosso novo Espaço Esperança. Tudo muito bem organizado pelas

Leia Mais »

Olá! Nós somos uma igreja em células.

Menu
Institucional
Missão Integral
Voluntariado

Login no Basis