Mensageiros da salvação

Compartilhe:

O anjo, porém, lhes disse: Não temais; eis aqui vos trago boa-nova de grande alegria, que o será para todo o povo: é que hoje vos nasceu, na cidade de Davi, o Salvador, que é Cristo, o Senhor (Lucas 2.10-11).

De todas as mensagens já anunciadas em todos os tempos, refletiremos hoje sobre a mais importante de todas elas, pois dividiu a história em antes e depois. O público que a ouviu em primeira mão era formado por simples pastores que cuidavam de seu rebanho durante a noite. O cenário foi cinematográfico: o anjo do Senhor desceu onde eles estavam, e a glória do Senhor brilhou ao redor deles. Era mesmo de se esperar que ficassem atemorizados, mas, a mensagem recebida era muito preciosa. Assim, vamos conhecer:

Sua motivação. Não temais; eis aqui vos trago boa-nova de grande alegria. É muito comum termos medo de notícias impactantes e mais medo ainda do contato com o mundo sobrenatural. Mas essa notícia não era assustadora, pois era instrumento para gerar grande alegria sendo, verdadeiramente, uma boa-nova, do original grego euangelizō, o próprio evangelho anunciado. Ela veio para mudar a história, ela veio para implantar o reino de Deus, era o cumprimento de muitas promessas, enfim, chegou entre nós a grande fonte de alegria. Hoje, com a mesma motivação, somos mensageiros e portadores dessa boa-nova para anunciar tão grande alegria.

Sua abrangência. Que o será para todo o povo. Não basta apenas ser uma boa notícia, é preciso que ela tenha abrangência e influência suficientes para agir em nossa vida. O texto deixa claro que essa notícia inclui todo o povo. A mensagem não era apenas para aquele grupo de pastores, mas era para todas as pessoas, judeus e gentios, a partir da casa de Israel como o povo de Deus (Lucas 1.68). Não era somente para aquela época, mas abrangia toda a humanidade de todos os tempos. Não era somente para quem a ouviu diretamente dos anjos, mas para todos que viessem a ser alcançados por meio de mensageiros fiéis. Somos chamados para anunciar a todos os povos, não fica ninguém de fora.

Seu conteúdo. É que hoje vos nasceu, na cidade de Davi, o Salvador, que é Cristo, o Senhor. Já havia sido previsto, cerca de 700 anos antes, que nasceria um menino (Isaías 9.6). Então, agora aconteceu: hoje vos nasceu, na cidade de Davi. Tão aguardado, tão desejado e, ao mesmo tempo, tão duvidado: nasceu o menino. Mas não era qualquer menino, nasceu o Salvador. Só é natal se Jesus nascer como Salvador no coração de cada pessoa, individualmente, tornando-se seu salvador pessoal. Nasceu o Cristo, literalmente o ungido, aquele que veio para reinar. Só é natal se Jesus for Rei em nossa vida. Nasceu o Senhor, só é natal se Jesus exercer todo domínio sobre nossa vida. Como mensageiros, anunciamos que Jesus é Salvador, Rei e Senhor.

O mensageiro do céu trouxe a boa-nova, a história da humanidade foi transformada e transtornada. Hoje, Jesus (re)nasce em nosso coração, e assim, e somente assim, poderemos anunciar como mensageiros: É NATAL!

Pr. Pedro Leal Junior

Continue lendo

Mais Posts

Notícias
Comunicação IPILON

Dada a largada

No dia 30 de janeiro foi dada a largada para o início de nossas células, pequenos grupos, a igreja presente em cada casa, expressão de

Leia Mais »
Blog
Comunicação IPILON

Orvalho

Ao ler a palavra orvalho que sensação desperta em você? Para mim simboliza frescor. No dicionário Priberam, as definições são: “Conjunto de gotas de umidade

Leia Mais »

Olá! Nós somos uma igreja em células.

Menu
Institucional
Missão Integral
Voluntariado

Login no Basis