Pesquisar
Close this search box.

Mensageiros do Impossível

Compartilhe:

[…] O anjo respondeu: […]. Porque para Deus não há nada impossível. […] (trecho de Lucas 1.26-38 NAA)

Maria era uma mulher muito simples, uma menina camponesa. Seu coração era reto. Seu caminho era correto. Estava noiva. Guardava-se para o casamento. Tinha sonhos altos, mas jamais poderia imaginar quão elevados eram os sonhos de Deus para ela.

Nazaré era um pequeno vilarejo. Era pobre, nem tanto por sua economia, mas por seu ambiente de pouca fé, pois seria ali o local onde Jesus seria rejeitado pelos seus (Lucas 4.16-30). Ali nasceria o maior nome de todos os tempos, que, ali mesmo, seria desprezado e desvalorizado.

Foi exatamente para essa menina simples de um bom coração, nesse vilarejo de ambiente de coração duro, que apareceu um anjo mensageiro chamado Gabriel para declarar: para Deus não há nada impossível. Esse cenário revela alguns movimentos do impossível de Deus.

O texto revela que o impossível é provocador. Gabriel apontou uma realidade muito além das possibilidades de Maria: Ela, porém, ao ouvir esta palavra, perturbou-se muito e pôs-se a pensar no que poderia significar esta saudação. Mas o anjo lhe disse: — Não tenha medo, Maria.  Então Maria disse ao anjo: — Como será isto, se eu nunca tive relações com homem algum? (Lucas 1.29-30, 34 – NAA) Maria foi provocada em medo e perplexidade. Nossos limites sempre produzem essa sensação de incapacidade, impossibilidade, frustração, medo. Diante de nossos limites, Deus começa a agir!

O episódio deixa claro que o impossível é possível. Gabriel direciona o olhar para o impossível que Deus já tinha feito: E Isabel, sua parenta, igualmente está grávida, apesar de sua idade avançada, sendo este já o sexto mês de gestação para aquela que diziam ser estéril (Lucas 1.36 – NAA). É interessante notar o direcionamento que Gabriel dá à conversa quando começa a apontar que Deus já estava fazendo o impossível na vida de Isabel. Foi assim que o povo de Israel conquistou a terra prometida, sob a liderança de Josué, lembrando do impossível que Deus tinha feito no Egito (Deuteronômio 7.17-19). Foi assim que Davi venceu Golias, lembrando do impossível que Deus tinha feito fazendo-o vencer o leão e o  urso (1 Samuel 17.37).

O autor aponta que o impossível é irresistível. Gabriel saiu com sua missão cumprida: Então Maria disse: — Aqui está a serva do Senhor; que aconteça comigo conforme a sua palavra. Então o anjo foi embora (Lucas 1.38 – NAA). Maria responde em total entrega de confiança e fé às palavras enviadas pelo Senhor por meio de seu mensageiro e, em seguida, foi procurar Isabel para fortalecer sua fé.

O impossível é apenas uma das especialidades de Deus. O impossível revela quem é Deus e quem não o é. Quando nos escondemos totalmente no Senhor, o impossível torna-se possível! Ele continua superando impossíveis em personagens hoje, não importa o lugar. Somos mensageiros do impossível. Somos alvos da mensagem do impossível.

Rodolfo Montosa

Continue lendo

Mais Posts

Blog
Comunicação IPILON

Promessas de alegria

Tu me farás ver os caminhos da vida; na tua presença há plenitude de alegria, à tua direita, há delícias perpetuamente (Salmos 16.11 – NAA).

Leia Mais »

Olá! Nós somos uma igreja em células.

Menu
Institucional
Missão Integral
Voluntariado

Login no Basis